Para realizar suas ações, foi assegurado ao Conselho Regional de Serviço Social Goiás 19ª Região, em seu Regimento Interno, constituir comissões, grupos de trabalho e núcleos. Conheça as instâncias constituídas.  

 

Comissão Ampliada de Ética e Direitos Humanos

Atua na divulgação do Código de Ética e na defesa dos princípios do Projeto Ético-Político Profissional, ao se articular com os movimentos sociais na defesa dos Direitos Humanos. Nessa perspectiva, prepara agentes multiplicadores, por meio do curso Ética em Movimento, oferecido aos profissionais. A Comissão também é a primeira instância nos julgamentos éticos profissionais que chegam até o CRESS Goiás 19ª Região.

 

Comissão Administrativo-financeira

Acompanha as receitas devidas ao CRESS Goiás, de pessoas físicas e jurídicas. Busca estratégias políticas para manter a capacidade de arrecadação do CRESS, com o objetivo de viabilizar as ações do Conselho, na defesa do projeto ético-político e dos interesses da/o Assistente Social. A comissão prioriza também o controle fiscal interno - trabalho articulado com o Conselho Fiscal, na perspectiva da transparência na gestão democrática. Ainda tem por princípios o compromisso político, responsabilidade, atitude ética e direção social da política.

 

Comissão de Seguridade Social

Defende a democracia e os direitos sociais com ênfase na concepção de uma Seguridade Social, como política pública, universal e de responsabilidade estatal. Por meio da representação participativa de assistentes sociais nos fóruns, nos conselhos de direitos e de políticas, buscando coerência entre os princípios éticos–políticos profissionais e os fundamentos do Controle Social Democrático.  A concepção de Seguridade Social, defendida pelo Conjunto CFESS/CRESS, amplia-se para além do conceito presente na Constituição Federal de 1988, inclui todas as políticas sociais públicas.

 

 Comissão de Trabalho  e Formação Profissional

Atua na articulação entre a formação e o exercício profissional, estimulando a criação de mecanismos de atualização profissional como instrumento de qualificação da/o Assistente Social. Defende o projeto de Formação Profissional, referenciado pelas diretrizes curriculares aprovadas pela Associação Brasileira de Ensino e Pesquisa em Serviço Social - ABEPSS e suas implicações para o exercício profissional, tendo como norte a concretização do Projeto Ético-Político do Serviço Social.

 

Comissão de Comunicação, Divulgação e Imprensa

Elabora e coordena as estratégias de comunicação, voltadas para as/os Assistentes Sociais, sociedade, mídia e outros sujeitos sociais. É responsável pela implementação da política nacional de comunicação do Conjunto CFESS/CRESS, aprovada durante o 39º Encontro Nacional CFESS-CRESS, ocorrido em setembro de 2010, em Florianópolis, Santa Catarina. Viabiliza as campanhas, a edição de coletâneas, produção de jornais eletrônicos e impressos, divulgação de eventos e assessoria de imprensa. Um importante instrumento a serviço da categoria é o site - www.cressgoias.org.br, que traz ofertas de emprego e as últimas notícias na área do Serviço Social e temas relacionados. Norteada pelos princípios que garantam a democratização da comunicação, como direito de todas/os, a comissão busca conquistar espaços públicos democráticos disponíveis (rádio, televisão, jornais, revistas, entre outros), na tentativa de assegurar a vez e a voz das/os Assistentes Sociais.

 

Comissão de Orientação e Fiscalização Profissional

Contribui para o fortalecimento da Política Nacional de Fiscalização do Conjunto CFESS/CRESS, atuando como instância de prevenção e orientação às/aos Assistentes Sociais para um exercício profissional comprometido com a defesa e garantia dos direitos sociais e com os interesses gerais da sociedade, ao observar as deliberações aprovadas no Encontro Nacional CFESS/CRESS.

 

Comissão Permanente de Licitação

Contribuir nos processos licitatórios. Tem como objetivo receber, examinar e julgar todos os documentos e procedimentos relativos a licitações no âmbito do CRESS Goiás.

 

Comissão Permanente de Ética

Recebe e encaminha denúncias de cunho ético profissional, realizando todo o procedimento processual, embasada pelo Código de Ética  e o Código Processual de Ética da categoria na área de jurisdição do Conselho.  Promove debates e encaminha sugestões quando for pertinente ao exercício da profissão.

 

Comissão Permanente de Inscrição

Tem por objetivo acompanhar, dirimir situações e dar encaminhamentos para a consolidação dos registros das/os Assistentes Sociais. Promove ações direcionadas na alimentação do SISCAF, após as homologações de praxe de novas/os inscritas/os, com permanente controle e zelo dos arquivos e dossiês de cada profissional.

 

Comissão Permanente de Enfrentamento à Inadimplência

Promove ações para a melhoria dos serviços de arrecadação e o combate permanente à inadimplência, com o objetivo de promover a manutenção das atividades do Conselho na perspectiva da defesa do Projeto ético-político. Busca a racionalização e economicidade dos meios para manutenção do equilíbrio entre o número de inscritos ativos e a inadimplência, de acordo com os níveis indicados pelo conjunto CFESS/CRESS, e definidos em Assembléias da categoria, da Diretoria e do Conselho Pleno.

 

Comissão Permanente Patrimonial, Documental e de Incineração

Tem como objetivo registrar, inventariar, tombar mediante controles que permitam a conservação, alienação, doação, empréstimo e o descarte de bens materiais de propriedade e/ou originário de outras responsabilidades assumidas pelo Conselho. È responsável também pela incineração de documentos de acordo com a legislação em vigor, respeitado o tempo mínimo de cinco anos de arquivo no âmbito deste Conselho.

 

Grupos de Trabalhos (GTs)

 

GT Educação

 

GT Habitação

 

GT Sócio-jurídico

 

GT Formação Permanente

 

GT Trabalhadoras: reúne as/os trabalhadoras/es que atuam na sede do CRESS Goiás 19ª Região. Tem como objetivo debater sobre as relações de trabalho, condições, remuneração e aprimoramento da equipe.